Top
Filomena Barata - Especialista - Novas Fronteiras Viagens
fade
882
page-template,page-template-full-width,page-template-full-width-php,page,page-id-882,mkd-core-1.1.1,mkdf-tours-1.3.1,voyage-ver-1.5,mkdf-smooth-scroll,mkdf-smooth-page-transitions,mkdf-ajax,mkdf-grid-1300,mkdf-blog-installed,mkdf-breadcrumbs-area-enabled,mkdf-header-standard,mkdf-sticky-header-on-scroll-up,mkdf-default-mobile-header,mkdf-sticky-up-mobile-header,mkdf-dropdown-default,mkdf-light-header,mkdf-medium-title-text,mkdf-title-with-subtitle,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive
 

Filomena Barata

Especialista Novas Fronteiras

Filomena Barata

Arqueóloga

Filomena BarataNatural de Luanda, licenciada em História pela Faculdade de Letras de Lisboa, concluiu o Mestrado de Arqueologia na Faculdade de Letras do Porto, em 1997.
É, atualmente, técnica Superior do Museu Nacional de Arqueologia em Lisboa e, dado o seu vasto curriculum, guarda um grande conhecimento na área do Património Cultural e da Época Romana, temática à qual tem dedicado toda a sua investigação e estudo.
Filomena Barata propõe, nas viagens em parceria com Novas Fronteiras, melhor conhecer todos os lugares e cidades, portos e termas, contruídos por um dos maiores Impérios da Antiguidade ao longo de todo o Mediterrâneo.
Foi, Directora Regional de Évora do extinto Instituto Português do Património Cultural de 2001 até 2008.
Foi Assessora da Direcção do IMC (Instituto Português de Museus), em 2009.
Lecionou na Universidade de Évora, nos anos de 2005-2006, as disciplinas de Epigrafia e Arqueologia da Romanização.
Lecionou em Angola, no Instituto Superior de Porto Amboim, História do Direito Romano, em 2015.
Tem participado em inúmeros colóquios e congressos sobre Património Histórico-Arqueológico e Artístico, bem como tem sido responsável por várias mostras museológicas, tendo vasta obra publicada no âmbito do Património Cultural e Herança Romana.
Foi Co-responsável pelo Programa «Itinerários Arqueológicos do Alentejo e do Algarve», um programa em colaboração entre a Secretaria de Estado da Cultura e do Turismo.
Foi Responsável pelas Ruínas de Miróbriga e pelo seu programa de Valorização até 2009.
Fez parte do Conselho Editorial do Consórcio da Cidade Histórico-Artística e Arqueológica de Mérida e foi correspondente portuguesa da Revista de Arqueologia, Madrid.
É cronista da Revista Incomunidade.
Foi responsável científica da «Revista Portugal Romano».
É responsável pela página A Lusitânia.
Pertence ao CIDHEUS, Centro Interdisciplinar de História, Culturas e Sociedades.Univ. Évora.

Próximas viagens

Embarque numas das próximas viagens com este especialista